Filtrar conteúdo: Todos (104)  
  • 

    Reportagem / Fabiano Ribeiro – Acumulando títulos

    Data: setembro 30, 2015

    Passo-fundense, destaque no off road, já acumulou dezenas de títulos, continua na disputa e se tornou um grande incentivador do esporte no Estado

    FOTO ANDRÉ CHARÃO

    FOTOS ANDRÉ CHARÃO

    Aos 40 anos de idade, Fabiano já trouxe para casa uma enorme quantidade de troféus, dos quais muitos nem se lembra mais. Mas as conquistas mais importantes estão na memória. Ao todo, foram 3 títulos Brasileiros, 2 Sul-Brasileiros, 12 Gaúchos e 24 Regionais. Não é pouco, mas ele quer muito mais. Para este ano, na sua agenda já estão marcados os campeonatos Brasileiro de Motocross, Brasileiro de Velocross e Gaúcho de Motocross.

    Essa paixão pelas pistas surgiu há 19 anos, quando começou no Veloterra, e em 99 participou do SuperCross, uma experiência e tanto. Naquele mesmo ano teve seu primeiro título gaúcho.

    A melhor fase do piloto foi no período de 2011 a 2013, quando vieram os títulos do Brasileiro e Sul-Brasileiro. “Eu sempre corri tentando buscar o reconhecimento do esporte e da minha capacidade. Sabemos que é uma modalidade pouco divulgada no Brasil, mas com muito esforço podemos chegar lá. Hoje, recebi o reconhecimento, estou feliz e realizado com tudo isso”, relatou. “Na época o dinheiro saia do bolso, não tinha patrocínios e dividíamos as despesas entre amigos”, completou.

    Fabiano, que veio de Porto Alegre, é casado há 20 anos, e possui duas filhas. A família sempre deu apoio ao piloto, que só pensou em desistir apenas uma única vez. Mas esse sentimento durou pouco tempo,

    O numeral #75, que o acompanha em praticamente toda sua jornada, é a marca registrada de Fabiano, que lamenta a falta de pista em sua cidade. Nessa situação, é preciso se deslocar até as localidades vizinhas como Marau, Sertão e Tapejara pra fazer os treinamentos. “Nós estamos arrendando uma terra particular para construir uma pista. O único local foi cedido para um time de futebol da cidade, então ficamos sem espaço para correr ou treinar. Estamos solicitando à Prefeitura o empréstimo de máquinas para a construção da nova pista. Vamos aguardar”, desabafa. “Todos os meus objetivos projetados foram conquistados. Hoje, ganhar um título regional ou estadual já é normal, então estou almejando muito o Brasileiro, já que tive oportunidades de mostrar isso em Três Lagoas em Mato Grosso, onde tive uma ótima participação em 2014”, finalizou.

    IMG_3739

    O piloto Fabiano Ribeiro conta com o apoio de Art Cross, Borilli Racing, Biker Acessórios e Meia 8 Parts.

    Comentários